Gary Moore – 7 anos sem o mestre [2]

Gary 08“…” Gary se juntou mais uma vez ao ex-companheiro de banda, Phil Lynott, só que agora, no Thin Lizzy. A sua primeira fase na banda durou pouco e, mesmo como seu modo contagiante de tocar, figurou em poucas faixas no disco. O músico então mirou no trabalho de estúdio (aparecendo no lançamento de Eddie Howell em 1975), antes de se juntar a uma banda de rock progressivo, o Colosseum II. Mas, mais uma vez, o seu vínculo com uma banda foi fugaz; ele figurou em apenas três discos (Strange New Flesh de 1976, Electric Savage e War Dance, de 1977), quando resolveu dar outra chance para amigo de longa data (Phil Lynott) para participar uma turnê americana novamente com o Thin Lizzy, tocando somente em arenas.

Gary 09No ano de 1978, apareceu em mais gravações de outros artistas: Variations, de Andrew Lloyd Webber; Moving Home de Rod Argent; e Electric Glide de Gary Boyle. No mesmo ano, lançou seu segundo trabalho solo (quase cinco anos após sua estréia), Back on the Streets, que surpreendeu o “Top Ten” inglês no ano de 1979. Para a balada bluesy “Parisienne Walkways“, contou com contribuições vocais de Lynott. Então, reuniu-se com seus ex-companheiros mais uma vez em 1979, para fazer um dos melhores álbuns da carreira do Thin Lizzy, Black Rose, que mostrou-se um grande sucesso no Reino Unido (e foi uma prova definitiva da habilidade de Gary como guitarrista excepcional). Todavia, como era de se esperar, o guitarrista deixou o grupo mais uma vez (desta, no meio de uma turnê pelos EUA), o que fez com que que uma fenda se abrisse entre Gary e Phil.

Moore emprestou algum trabalho de guitarra ao lançamento solo do baterista Cozy Powell, para o seu disco “Over the Top“, além de formar uma nova banda, G Force, que duraria apenas pelo tempo de lançarem um disco em 1980.

Gary 07Nos anos 80, uniu-se ao ex-guitarrista / baixista / cantor do ELP Greg Lake, para um par de álbuns solo (o primeiro, auto-intitulado, em 1981; e o segundo, Manoeuvres de 1983). Foi convidado para outro disco solo de Cozy Powell, Octopuss. Mas também foi durante os anos 80 que Moore finalmente se afirmou em sua carreira solo, lançando trabalhos tão pesados como os 2’s Corridors of Power de 1982, e Victims of the Future de 1983, Dirty Fingers e o “ao vivo” We Want Moore!, de 1984, Run for Cover de 1985, Wild Frontier de 1987 e After the War de 1989. Conquistou um grande seguimento de fãs na Europa, apesar de permanecer praticamente desconhecido nos EUA.

Continua…


Referências:

Anúncios


Categorias:blues

Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

1 resposta

  1. Pode vaiar, mas não conhecia. E gostei do que ouvi.

    Curtido por 1 pessoa

Feedback é melhor do que like!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

CA Soluções Ambientais

Nova Consciência sobre o Meio Ambiente.

Shanky❤Salty

किसी के पास कुछ ना हो तो हस्ती है ये दुनिया, किसी के पास सब कुछ हो तो जलती है ये दुनिया, पर मेरे पास जो है उसके लिए तरशति है ये दुनिया।

╠ GeekTrooper ╣

Cultura Geek e Nerd ao alcance de todos.

Eu, meu corpo, meu eu.

"Ninguém nasce mulher; torna-se mulher."

Te Descrevi

"em alguns pesamentos soltos"

The Daily Post

The Art and Craft of Blogging

Projeto Mais Livros

Mais livros, Melhores Pessoas

Chris Machado

Fotografia

Offerta

Offerta di prestito privato

Moda & Música & Afinidades

Tudo e mais um pouco

Imagine games

O véu que separa a imaginação da realidade chama-se criatividade.

Contabilidade Fácil

Contabilidade, Finanças, Empreendedorismo e Gestão

MENTE VOADORA

Minhas poesias, meus pensamentos e histórias.

storygraphee

Stories, Photography,Facts

DPzasso | Departamento Pessoal & Desenvolvimento de Pessoas

Desenvolvimento de Pessoas | Departamento Pessoal

Moroz Comunicação

Comunicação Empresarial, Sindical, Redes Sociais, Assessoria de Imprensa

Piraci Oliveira Advogados

Temas jurídico, empresariais, tributários e trabalhista

Resenha, artigo, texto...

Valter Bitencourt Júnior, poeta e escritor, de Salvador, Bahia, Brasil.

PATRICK STORIES

Make PEACE ✌ Show LOVE❤

Escrever e Comunicar

Textos também atingem objetivos!

Blog MGS Soluções em Informática

Dicas e Informações - Visite: www.mgssolucoes.com.br

Dinheirices

BusiNews Express

yocollector-Romania

Logo-colectii diverse, colectie insigne, colectie brelocuri, artizanat,

Perception

feelings, thoughts and dilemmas

O Manual do Freelancer

Por Nayara Bonim

%d blogueiros gostam disto: