Master Killer – Merauder

merauder“Um ato de repúdio às tendências e as falsas posturas”

Se a música da cidade de Nova York é uma indicação do que está arraigado no coração de seu povo, o próprio MERAUDER, banda do Brooklyn/NY sintetiza a parte mais baixa da América do centro da cidade, no seu patamar mais gritante e destemido. Enquanto suburbanos e gangstas sedentos de rebelião são vítimas das tendências atuais e de falsas posturas, o verdadeiro espírito guerreiro que o Merauder representa continua sendo um artigo musical genuíno depois de quase duas décadas.

merauder05Originalmente lançado em 1995 e ainda aclamado por muitos como o melhor álbum da banda, “Master Killer” foi o primeiro disco completo do Merauder, agora recebendo o tratamento de reedição em 180 gramas de vinil graças a Reaper Records. Além da nova arte de capa, – com o que eu suponho serem referências do Iron Maiden, Anthrax, SOD, Quiet Riot, Ozzy, e Megadeth, entre outros, – há também um belo encarte com letras e uma colagem de fotos que parecem ser dedicadas ao guitarrista Javier “Sob” Carpio (que faleceu no ano passado, RIP), com algumas anotações de membros do Stigmata, Terror, Earth Crisis, World Collapse, Biohazard, All Out War, Obituary, e Converge refletindo sobre sua memória e / ou suas memórias deste álbum e a história do Merauder.

merauder06O que eu realmente posso dizer sobre o disco? Bem, se você conhece e curte essa banda, pode concordar comigo. Se não, espero que haja uma chance de que uma reedição como esta possa mudar sua opinião. Ou, ainda, estimulá-lo a perceber a força de seu trabalho para as gerações mais jovens, que não conseguem fazer uma leitura sobre a origem  de muitos males sociais (que surgiram no passado e continuam ocorrendo) contra os quais a banda se posiciona. Eu, particularmente acredito que um bom número de bandas parecem haver tido a intenção de reproduzir o padrão da banda neste álbum, mas seja como for, clássico é clássico e parece que ninguém conseguiu repetir tal modelo. A banda não deve ter recebido muito crédito até antes da obra, já que andaram de mãos vazias por, pelo menos uns 5 anos merauder03antes de lançar este, que é seu primeiro full-length. Porém, ao que tudo indica, o Merauder foi um dos primeiros a misturar “hardcore” com metal, mas sem soar datado ou sem originalidade. Eles sempre tiveram identidade sonora, seja nas vocalizações, seja nas estruturas rítmicas, ou nas métricas.

De toda forma, para mim este álbum definitivamente contêm o tipo de som que gostaria de fazer se tocasse algum instrumento. “Time Ends“, “Life is Pain“, “Mirror Shows Black“, “Master Killer” … o disco é ótimo em sua totalidade, e tem um grande equilíbrio entre peso  e melodia. É poderoso e te incita a entrar na roda de pogo. Thrash com padrões hardcore e hardcore com o ódio típico do thrash. Um disco perfeito em todos os sentidos.

TRACKLIST:
01-Time Ends (3:46)
02-Life Is Pain (3:22)
03-Mirror Shows Black (2:49)
04-Master Killer (3:24)
05-Downfall of Christ (3:16)
06-Dead End Path (3:14)
07-Take by Force (4:25)
08-Fear of Sin (3:05)
09-Besiege the Masses (3:38)
10-Crossfire (3:34)

NOTA: 10.



Feedback, por favor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s