Kill Division – Destructive Force

Baseando-se em suas experiências de Legion of the Damned, God Dethroned, Asphyx e Inhume, Richard Ebisch (guitarras, baixo, vocais), Susan Gerl (guitarras e vocais) e Roel Sanders (bateria) decidiram que era hora de unir suas forças para fazer uma música forte, pesada e agressiva, e, com Destructive Force, o seu álbum de estreia, eles mostram que fizeram a coisa certa.

KD3

Destructive Force (2013) Force foi gravado no estúdio Toneshed, um lugar que eles chamaram de lar por muitas noites. Posteriormente, o disco foi mixado e masterizado no estúdio Stage One de Andy Classen , que o lapidou com bigorna, martelo e fogo. Musicalmente, o disco representa os esforços coletivos do grupo. Quando a banda começou a ensaiar, eles usaram algumas gravações antigas de Richard Ebisch como ponto de partida. Depois que as três primeiras músicas foram escritas dessa maneira, jutamente com Susan começaram a escrever mais. Então, combinaram riffs e fraseados para compor as novas. O baterista Roel Sanders também participou do processo de composição cantando riffs, e/ou rearranjando as estruturas já prontas. De todo modo, Ebisch afirma claramente que “todo este álbum foi escrito na sala de ensaios como um processo de banda para o qual cada membro da banda contribuiu igualmente. Liricamente, Susan explica que as letras foram baseadas em suas experiências cotidianas e nos eventos de repercussão mundial. Havendo escrito as letras para o álbum inteiro, acrescenta que Locked Up Forever fala sobre Natascha Kampusch, uma mulher austríaca que foi mantida prisioneira e atormentada em um porão por quase nove anos. Mechanic Domination, por outro lado, foi inspirada no filme ‘Eu Robô‘ e fala sobre nossa dependência de artigos tecnológicos. Em resumo, Destructive Force é um registro do que temos visto no mundo diariamente.

KD2

A formação que gravou o disco é composta por Susan Gerl (guitarra / vocal), Richard Ebisch (guitarra / baixo / vocal) e Roel Sanders (bateria).

TRACKLIST:

KD01-Kill Division March (0:59)
02-Mechanic Domination (2:17)
03-Fear of Life (2:47)
04-Locked Up Forever (4:14)
05-Made of Lies (3:03)
06-Destructive Force (6:07)
07-Sadistic Oppressor (2:59)
08-Distorted Reality (3:44)
09-Generated Hate (2:24)
10-Master Manipulator (4:00)
11-Toxic World (3:31)

NOTA: 10,00.



#esteriltipo #RicardoCunha #KillDivision #DestructiveForce #RichardEbisch #SusanGerl #RoelSanders

Feedback, por favor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s